Coordenação Científica

Professora Doutora Ana Paula Caetano

Apresentação e objetivos do curso

Esta área de mestrado tem como objetivos preparar profissionais para a intervenção educativa, com uma particular ênfase na educação não formal, envolvendo os mais diversos públicos – crianças, jovens, adultos e idosos. Tem por âmbito a intervenção em contextos múltiplos, não apenas de natureza educativa, mas também de natureza cultural, social, económica, assistencial, ambiental, de justiça e de saúde.

Visa o aprofundamento das seguintes competências profissionais:

  • Intervir na definição de políticas e prioridades educativas, em estruturas e órgãos de reflexão, consulta, planificação e gestão de sistemas de educação, nomeadamente de educação não formal;
  • Diagnosticar problemas, necessidades, recursos e oportunidades de intervenção educativa em grupos, organizações e comunidades, com base em processos investigativos e reflexivos, para a compreensão e atuação emancipatória e inovadora sobre as problemáticas identificadas;
  • Conceber, gerir, implementar e avaliar projetos, programas, dispositivos, atividades e recursos de educação e formação, em contextos organizacionais, estruturas e serviços com valências educativas, nomeadamente de âmbito não formal;
  • Coordenar e participar em equipes multidisciplinares, bem como colaborar com outros profissionais em processos de desenvolvimento social e cultural;
  • Intervir na gestão de organizações com valências educativas, nomeadamente de âmbito não formal;
  • Desenvolver estudos científicos, relatórios e pareceres, assim como consultoria, no âmbito de iniciativas e políticas de educação orientadas para o desenvolvimento social e cultural.

Destinatários

  • Titulares de grau de licenciado ou equivalente legal nas áreas de Educação/Ciências da Educação;
  • Titulares de grau académico superior estrangeiro conferido na sequência de um 1º. Ciclo de estudos organizado de acordo com os princípios do Processo de Bolonha por um Estado aderente a este Processo nas áreas de Educação/Ciências da Educação;
  • Titulares de um grau académico superior estrangeiro na área de Educação/Ciências da Educação que seja reconhecido como satisfazendo os objetivos do grau de licenciado pelo conselho científico do Instituto de Educação;
  • Detentores de um currículo escolar, científico ou profissional que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelo conselho científico do Instituto de Educação.

Candidaturas

Datas e condições de acesso