outubro, 2017

13out16:00Políticas Educacionais e Regimes Autoritários: Intelectuais, projetos e instituições16:00 Auditório 2, Instituto de Educação da Universidade de Lisboa, Alameda da Universidade, LisboaCategorias:arquivo

Mais

Detalhe

Este Colóquio procurará analisar a complexa relação entre regimes autoritários do século XX e as políticas educativas desenvolvidas. Tomaremos como objetos de análise os casos da ditadura civil-militar brasileira inaugurada em 1964, do regime instaurado em Espanha por Franco no final dos anos 30 e, finalmente, do Estado Novo criado por Salazar no início dos anos 30 em Portugal.  Se as temporalidades são diversas, em particular no que se refere ao primeiro caso, sendo igualmente visíveis as especificidades de cada um dos regimes, são também claros os paralelismos existentes entre os três regimes autoritários, designadamente no que se refere à forma como utilizaram os conteúdos, as práticas e os rituais escolares, para além do controlo sobre os professores, no sentido da veiculação dos valores em que assentavam as suas ideologias, da construção de indivíduos com um determinado perfil e, em geral, como forma de perpetuação dos respetivos regimes. Em todo o caso, não devemos reduzir as políticas educativas então desenvolvidas a essa finalidade, ainda que integradora, sendo conveniente ter igualmente em conta os percursos que conheceram, ao longo desses períodos, os processos de alfabetização e de escolarização. O elemento de inspiração para a organização do Colóquio foi representado pela publicação no Brasil do livro Políticas educacionais, ensino e traumas coletivos (2017), que vai ser lançado em Portugal no âmbito do Colóquio, sendo os intervenientes simultaneamente autores de alguns dos capítulos do livro. O comentador será o prefaciador da obra.

 

Entrada livre mas sujeita a inscrição

 

Inscrição online

Inscrição encerrada

 

PROGRAMA

 

16h00

Educação moral e cívica e pensamento autoritário durante a ditadura civil-militar no Brasil
Leandro Pereira Gonçalves [PUCRGS]

16h20

La educación bajo el régimen de Franco
Antonio Canales Serrano [ULL]

16h40

Os paradoxos da massificação e da ideologização em São Tomé e Príncipe
Augusto Nascimento [FL-ULisboa]

17h00

Estado Novo e Pedagogia: entre a ‘Escola ativa’ e a ‘tradição pedagógica’
Joaquim Pintassilgo [IE-ULisboa]

17h20

Debate

18h00

Apresentação do livro
Políticas educacionais, ensino e traumas coletivos
comentário de António Costa Pinto [ICS-ULisboa]

Livro em dois volumes :
Vol 1 – Políticas Educacionais e Regimes Autoritários: Intelectuais, projetos e instituições
Org. Leandro Pereira Gonçalves & Maurício Parada
Vol 2 – Ensino de História, Regimes autoritários e traumas coletivos
Org. Francisco Carlos Teixeira da Silva & Karl Schurster

 

 

Logotipo IE-HISTEDUP

Hora

(Sexta-feira) 16:00

Localização

Alameda da Universidade, Lisboa