Luís Miguel de Figueiredo Silva de Carvalho Professor Catedrático

Luís Miguel Carvalho é Professor Catedrático do Instituto de Educação da ULisboa, onde desenvolve atividades de investigação e ensino desde 2005. Tem o grau de doutor em Ciências da Educação pela Faculdade de Motricidade Humana e o título de agregado em Educação, na especialidade de Administração e Política Educacional, pelo IE-ULisboa.

É autor de uma extensa publicação científica na área da Educação, tendo coordenado e participado em dezenas de projetos de investigação, nacionais e internacionais. É membro de conselhos científicos de revistas portuguesas e estrangeiras, da área da Educação. Desempenhou variados cargos de coordenação científica e pedagógica no IE-ULisboa. Recebeu, em 2016, o Prémio Científico ULisboa, na área de Ciências da Educação.

Subdiretores

Pedro Reis

Professor Associado

 Página de docente

Estela Costa

Professora Auxiliar

 Página de docente

Mónica Baptista

Professora Auxiliar

 Página de docente

Enquadramento estatutário

O Diretor é eleito pelo Conselho de Escola.
O mandato do Diretor é de quatro anos, podendo ser renovado uma única vez consecutiva.
Ao Diretor compete, nomeadamente:

  • dirigir o Instituto e representá-lo perante os órgãos da Universidade e perante o exterior;
  • elaborar e apresentar ao Conselho de Escola as opções estratégicas fundamentais e o plano de ação para o período do mandato, o orçamento e o plano de atividades anuais, bem como o relatório de atividades e contas anuais;
  • assegurar a concretização e dinamizar a execução das opções estratégicas, do plano de atividades e do orçamento anuais aprovados pelo Conselho de Escola;
  • assegurar o bom funcionamento do Instituto em todas as suas atividades de investigação, ensino e prestação de serviços à comunidade;
  • assegurar o cumprimento das deliberações tomadas pelos órgãos colegiais do Instituto;
  • criar, suspender e extinguir cursos não conducentes à obtenção de grau e fixar as respetivas propinas;
  • autorizar a abertura de concursos para o pessoal não docente e não investigador;
  • aprovar o calendário e o horário das atividades letivas, ouvidos o Conselho Científico e o Conselho Pedagógico;
  • orientar e superintender na gestão administrativa e financeira do Instituto, assegurando a eficiência no emprego dos seus meios e recursos;
  • assegurar a integração da gestão administrativa do Instituto na gestão administrativa geral da Universidade, nos termos da lei;
  • orientar e superintender na gestão de recursos humanos do Instituto;
  • concretizar, nos termos da lei, o recrutamento do pessoal docente e de investigação;
  • promover, nos termos da lei, o recrutamento do pessoal não docente e não investigador;
  • praticar todos os atos previstos na lei relativamente à situação e à carreira do pessoal docente e de investigação ao serviço do Instituto, sem prejuízo das competências do Conselho Científico.